quinta-feira, 21 de julho de 2011

Revisão da Folhinha

video
Allea jacta est!

A nossa parte já está feita. Hoje fizemos a verificação da arte-final. Agora é lá com os operários e as máquinas. A nosotros só resta bater na madeira: Credo em cruz, mangalô três vezes! E torcer para não acontecer nada com a rimbibaca da parafuseta, com a grampolha ou com o roservil de argola, que são pecinhas danadas para dar problemas, e assim podermos cumprir o primeiro lançamento que está marcado para O Casarão, em Rio Branco, Acre, no dia 6 de Agosto, Dia da Bomba e também da Revolução Acreana, tudo bem condizente.

Os poemas, que não param de chegar, estão sendo organizados para a Folhinha de 2013. Se o mundo não acabar!

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Folhinha Poética - poemança